Tanto os KPIs como os OKRs são estruturas que se complementam em uma gestão inovadora. Porém, uma dúvida muito comum é saber qual é a diferença entre eles e como usá-los adequadamente.

Neste artigo, vamos demonstrar na prática as diferenças entre OKRs e KPIs e como você deve aproveitá-los em diferentes abordagens para obter o máximo de resultado.

O que são OKRs?

OKR (Objectives and Key Results, ou Objetivos e Resultados-Chave) é uma metodologia de gestão que se traduz em um framework colaborativo de definição de metas para organizações, empresas, equipes e indivíduos, inspirando todos os níveis da empresa e alinhando toda a equipe no que realmente é importante.

A construção de um bom OKR, segundo John Doerr em “Avalie o que importa”, passa pela seguinte fórmula:

Eu vou (Objetivo), medido por (Resultados-chave).

O objetivo é uma meta curta, clara e ambiciosa, alcançável dentro de um determinado ciclo. O objetivo deve motivar, fornecer direção e desafiar a equipe.

Já os resultados-chave são métricas que medem o progresso para atingir seu objetivo, sempre com metas atreladas. Cada objetivo deve ter 2 a 5 resultados-chave.

Um exemplo de OKR

  • Objetivo: aumentar o engajamento do usuário
  • Resultados-chave 1: Aumentar a retenção de 1 mês de 20% para 30%
  • Resultados-chave 2: Aumentar o tempo médio no aplicativo de 15 minutos para 30 minutos
  • Resultados-chave 3: Aumentar o número de sessões de 3 para 8 sessões por usuário por dia

Quer saber mais sobre OKRs? Clica aqui

O que são KPIs?

KPI (Key Performance Indicator) significa Indicador-chave de performance.

Os KPIs avaliam e controlam o desempenho de processos ou atividades essenciais de determinado negócio. Isso significa que os KPIs avaliam o sucesso de processos em andamento ou passados. Eles indicam em quais condições está sendo atingido determinado objetivo, controlando as variáveis atreladas aos resultados-chave, por exemplo.

Cada empresa define seus próprios KPIs para rastrear o que é essencial para eles. Obviamente, os KPIs são dinâmicos e mudam conforme a organização enfrenta novos desafios.

Alguns exemplos de KPIs são: Lucro; Churn (perda de clientes); Taxa de utilização do produto; Tempo médio de nova venda.

Afinal, qual é a diferença entre OKRs e KPIs?

Algumas pessoas podem acreditar que OKRs e KPIs são idênticos por se tratarem de métricas do negócio. Especialmente KPIs e resultados-chave. Porém isso não é verdade e para que fiquem claras as diferenças, segue abaixo as características de cada um:

  1. Os KPIs tratam do monitoramento de métricas de controle de desempenho em andamento ou anterior. Respondendo em que condições ou quais variáveis impactam o atingimento do objetivo organizacional.
  2. OKRs são sobre objetivos futuros. Em que os KRs medem o sucesso, respondendo se o objetivo está sendo atingido ou não.

Então, em resumo, você precisará de KPIs para monitorar e controlar variáveis com base nos seus dados atuais e de OKRs para definir metas, alinhar a equipe e obter o resultado futuro almejado.

Frequentemente, um ou vários KPIs se tornarão os resultados-chave para os objetivos quando a equipe decidir se concentrar na melhoria de uma tendência específica.

Para entender melhor essa diferença entre OKRs e KPIs, vamos considerar o exemplo abaixo:

A equipe de marketing criou uma landing page excelente que entrega o valor do produto e converte os visitantes em ótimas oportunidades. Agora a equipe comercial quer aproveitar este potencial para converter ainda mais vendas.

O OKR para a equipe de MKT evoluir sua meta de geração de leads qualificados será:

  • Objetivo: Aumentar a geração de leads qualificados
  • Resultados-chave 1: Aumentar o número de visitantes mensais do site de 4k para 8k
  • Resultados-chave 2: Aumente as inscrições de teste grátis do produto de 320 para 600

Ao mesmo tempo, a equipe de marketing tem muitos KPIs ou métricas de controle para monitorar. Exemplos:

  • Taxa de conversão
  • CAC (Custo de aquisição do cliente)

A equipe de marketing monitora continuamente todos os KPIs. Porém, dependendo de onde eles desejam focar sua atenção, eles definem OKRs para melhorar vários desses KPIs. No exemplo acima, é a geração de demanda. Ainda assim, também pode ser taxa de conversão, seguidores / comentários de mídia social, tempo no site, custos de aquisição de clientes, otimização de funil, etc.

Com base no acompanhamento dos seus KPIs e nos resultados dos objetivos anteriores, você selecionará os próximos OKRs.


Certificação gratuita em OKRs

Certifique-se na metodologia OKR. Comece hoje a mudança em sua carreira. Curso online e gratuito com duração de 2 horas. Comece agora mesmo!

INICIAR CERTIFICAÇÃO EM OKRs

Resumo

Como vimos, tanto os KPIs quanto os OKRs possuem o contexto de uso e devem ser implementados em conjunto. Os KPIs servem para medir e controlar as variáveis ou impactos em torno dos objetivos alcançados ou em andamento. OKRs ajudam você a atingir seus objetivos futuros, definindo por meio dos resultado-chave como será medido o progresso em direção ao resultado. Ambos têm como objetivo focar a equipe no que é importante para o sucesso do negócio e potencializar a performance da sua empresa. 

Nenhuma metodologia é uma solução mágica para garantir resultados. Conheça os benefícios dos OKRs e KPIs e aplique-os corretamente para ir além das expectativas.

Confira a ferramenta da 4persons que vai ajudar sua equipe a rastrear OKRs e se concentrar no que é realmente importante.

Comece hoje mesmo a implantar OKRs em sua empresa e em sua rotina: